20 de julho de 2006

 

Está tudo dominado na política da Bahia

Chama-se Salorylton de Oliveira (mais conhecido por Salon), do PP - partido que integra a coligação do governador-candidato Paulo Souto (PFL) – o prefeito da cidade de Pedro Alexandre (BA), que foi preso pela Polícia Federal na operação Fox, que investiga fraudes nas áreas da educação e saúde. A PF também apreendeu computadores e livros contábeis da prefeitura. As investigações começaram em 2004, pelo Ministério Público Federal de Sergipe, que recebeu denúncias de desvio de recursos federais do FUNDEF (Fundo para Desenvolvimento da Educação).

A coligação que apóia Paulo Souto (PFL) em matéria de apoio de parlamentares anda muito mal das pernas. Constam na Lista das Sanguessugas quatro deputados federais da Bahia que o apóiam: Coriolano Sales (PFL), Zelinda Novaes (PFL), Mário Negromonte (PP) e Reginaldo Germano (PP). Os quatro deputados carlistas são suspeitos de envolvimento no esquema de superfaturamento das ambulâncias. Sem falar dos deputados que constam da Lista de Furnas. Bela base aliada.

Já o prefeito Salon foi preso por responder a irregularidades como ausências de licitações, evasão de receitas pela não cobrança de impostos municipais, emissão de cheques sem fundos, além, claro, do sumiço das verbas federais carimbadas para a educação e saúde.

EM TEMPO - Da Bahia não consta nenhum deputado do PT na lista das sanguessugas. Aliás, na relação nacional das sanguessugas não há presença de nenhum parlamentar do PT.

Comments: Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?